Criança é levada à UTI após ser espancada por mãe (Em que mundo vivemos?)

Ler notícias bizarras e tomar conhecimento de crimes hediondos nos jornais já é algo que se tornou “comum” no dia a dia. Mas confesso que notícias de pais que maltratam seus filhos ainda me chocam. Aliás, depois que me tornei mãe, essas matérias chegam a entalar na garganta. Hoje li no Correio Braziliense que uma mãe de 23 anos espancou a filha (pasmem) de quatro anos, levando-a a precisar de balão de oxigênio para respirar. Após a criança ser encaminhada à UTI, o boletim médico divulgado pelo Hospital de Base informou que a menina sofreu lesão cerebral e o lado esquerdo do corpo estava paralisado, devido ao comprometimento neurológico. Além disso, a delegada-chefe disse à imprensa que, ao conversar com os médicos, soube que a pequena criança dizia, a todo momento, ‘mamãe bateu, mamãe bateu’. Essas coisas me deixam estarrecida.

Quando soube que estava grávida, fiz uma ultra-sonografia com apenas cinco semanas de gestação. Ainda nessa fase, com o tamanho de um grão de arroz, eu e meu esposo pudemos ver um coraçãozinho que batia muito rápido. Aos três meses de gestação, em outra oportunidade, vi um pequenino “embrião” (como dizem) que já era perfeito. Tinha mãozinhas com todos os dedos, pés, cabeça, orelhas, nariz, além de todos os órgãos que já se desenvolviam. Aos quatro meses, descobri que se tratava de um menino. Aos cinco meses, senti um chute bem forte na barriga… E, a cada descoberta, ia crescendo um amor inimaginável por aquele serzinho que crescia dentro de mim. Lembro-me que era um alívio receber a notícia de que estava tudo bem com meu bebê. E, na noite do seu nascimento, naquela noite mágica, não acreditei que havia dado a luz a uma criança perfeita, linda… Assim como não creditei que, algum dia, eu poderia amar daquele jeito. Um amor que quer proteger, que quer cuidar, que quer dar carinho, enfim… um amor que só quer amar. Daí eu me pergunto, como uma mãe pode espancar uma criança ao ponto de deixá-la desacordada? Como isso é possível? Que “desobediência” uma criança de quatro anos pode ser capaz de fazer para descontrolar uma mulher adulta a esse ponto? Como uma mãe – que deveria proteger, amar e cuidar – pode ser o motivo pelo qual a criança padece na UTI? Jesus amado, em que mundo vivemos? Mais uma vez pergunto, em que mundo vivemos? Onde estão os valores da nossa sociedade? Onde estão os sentimentos inerentes ao ser humano? Semana passada a cachorrinha do meu pai pariu cinco filhotinhos. Ele está encantado com o cuidado que uma pequena cadelinha dá aos seus filhotes. Ela nem sequer dorme para amamentá-los. Chega a revezar com o macho para poder descansar. Um lindo comportamento. Mas eles são animais, fazem isso por instinto. E ainda assim é um lindo comportamento. Contudo, nós, seres humanos, dotados de sentimentos e inteligência, sabendo que nossas atitudes geram conseqüências, temos a coragem de cometer crimes desumanos que nenhum animal seria capaz de cometer. Revoltante. É o que eu tenho a dizer desse ato inacreditável. Eu tremo só de pensar no meu filho doente e uma mãe louca espanca sua filhinha e a leva para UTI. Onde vamos chegar? Caros leitores (as) deste blog faço um apelo: amem seus filhos. AMEM! Somente o amor é capaz de reverter essa desumanidade de encontramos no mundo afora. É dentro de casa que aprendemos os valores. É a educação que determina quem as crianças serão no futuro. Eduquem no amor. Sejam exemplos vivos de que os noticiários mostram aberrações. E, se são aberrações, não podem ser comuns. Amemo-nos uns aos outros, Cristo já dizia. Esse é o maior dos mandamentos. O amor… Jesus, olhe por essa pequena criança. “Pode uma mãe esquecer-se daquele que amamentas? Mesmo que ela o esquecesse, eu jamais te esqueceria”, diz a palavra de Deus.

Anúncios

Tags: , , , , , ,

11 Respostas to “Criança é levada à UTI após ser espancada por mãe (Em que mundo vivemos?)”

  1. Denise Says:

    Olá Suzi,

    Acontece o mesmo comigo. Quando leio, ou vejo na televisão esse tipo de notícia, demora para eu ficar bem. Olho para meus filhos, e penso o que leva alguém a ser tão cruel, Deus! Crianças são anjos… É triste a situação do mundo que vivemos hoje, não é mesmo? Tens razão Suzy, somente o Amor… somente. Parabéns pelo post!

    Grande beijo,

  2. Adriana Says:

    Hoje minha filha amanheceu febril…estou aqui trabalhando com o coração na mão, com vontade de chorar e e de estar com ela, dando carinhos e mimos. Fico chocada com essas atitudes, que Deus proteja essa criança.

  3. luaesuasfases Says:

    Oi Suzy, sabe o que eu faço? Não vejo noticiários!!!!
    Pois ver essa coisas me dão raiva dessas que se dizem mães, vontade de dar um safanão nelas também pra ver se não dói o que elas fizeram com suas crias… e comos não são sentimentos bom e isso me prejudica e me deixa mal… nada de noticiários em casa! Nem novelas mais.
    Me sinto muuuuuito culpada de não poder cuidar do meu filhote em todos os momentos. Então não posso enteder como uma atrocidade dessas é possível!
    Beijo
    Samantha

  4. Monalisa Says:

    Suzy, meu coração se entristece tanto com essas notícias. Logo após o nascimento de Mari, eu não queria nem ver e nem ficar sabendo de nada disso. Quando passava algo na TV eu mudava de canal, ou virava a página da internet, para não ver nenhuma dessas notícias. Hoje eu não me preservo mais, fico ligada para saber o desfecho de todas essas histórias. E oro muito pedindo a Deus que proteja essas crianças, e que ilumine esses adultos que cometem essas atrocidades. Porque é fácil demais orar pela mãe da Isabella e pedir a Deus que a conforte. Difícil é orar pelo pai e pela madastra, para que eles se arrependam e tenham misericórdia. Ou orar por essa mãe, para que ela veja o erro que cometeu contra a sua filha, e mude suas atitudes.
    Eu cuido muito para que minha filha seja sempre cercada de muito amor, e quero ensiná-la muito bem sobre o certo e o errado.
    Acho um absurdo as pessoas olharem essas notícias e acharem tudo normal, não é normal em hipótese alguma. É cruel demais. Mas, como disse Jesus, ele não veio para os salvos e sim para os pecadores.
    Que nós continuemos orando e levando o amor de Jesus a todos os necessidados de amor.
    Beijos!

  5. Paizinho Says:

    Infelizmente o mundo está assumindo uma fisionomia irreconhecívevl. Ao lembrar que todos nós fomos criados imagem e semelhança de Deus, penso que, por sua própria vontade, o mundo está se transfigurando, como que por metamorfose, na imagem e semelança do maligno. Concordo com você, filha, temos que criar nossos filhos no amor, somente assim eles transmitirão a seus filhos e esses aos seus, esta que é a linguagem universal, a linguagem do AMOR, que tem origem no Deus Onipoente, criador de todas as coisas visiveis e invisíveis. Mas Ele nâo as criou dessa forma, elas se deformaram por si só. É uma pena. O homem é a única criatura que se auto-destroi. Vejo o cuidado que a Bellinha (nossa cadelinha) tem com a sua cria. Vejo o zelo que o Billy (nosso cãozinho) tem pela sua fêmea. Enquanto o homem e a mulher não sabem mais ser homem e mulher. É a “modernidade” que traz em sua bagagem o relativismo, o endonismo, o permissivismo, a promiscuidade, a libertinagem, e labe-se lá mais o quê. Que Deus tenha misegicórdia dessa mãe (mãe?).

  6. lucas Says:

    isso e um absurdo

  7. SIMONE Says:

    É chocante ler este noticiario tenho 2 filho um de 6 anos e outra de apenas 1 aninho e temo só de pensar……………………

  8. Tony Says:

    O mundo é bom!!! O ser humano é que cada dia se afasta de DEUS. Vejo mães pedindo a Deus para ter um filho,e, logo depois deixa de cumprir o mandamento fundamental “amai-vos uns aos outros como Eu vos amei”. O filho nasce, é afagado, é beijado e é amado, na maioria das famílias. Infelizmente há aquela desajustada, que envereda pelo caminho demoníaco e tudo que é ruim toma conta do seu ser; e, crianças, frutos de uma relação amorosa(na maioria das vezes) se tornam vítimas da própria família,mães, pais e outros que deveriam protegê-las, fazem exatamente o contrário, e as crianças frágeis, indefesas, sofrem os mais terríveis e despresíveis agressões físicas e morais, danos irreversíveis que jamais serão reparados. DEUS TENHA PIEDADE DE TEUS FILHOS!

  9. ELIZANI Says:

    so deus na vida dessas pessoas

  10. Flavia marane de almeida Says:

    Que pena que essa mãe fez isso com sua filha, porque eu já fui uma mãe de u.t.i e não é facil sofri muito, e hoje sei o valor que um filho tem na vida de uma mãe verdadeira.DEUS me ajudou muito com o problema que houve porque sem ele eu não aguentaria tamanho sofrimento.hoje tenho minha filha comigo mais foram momentos que não dão para esquecer.

  11. elias pedro da silva Says:

    Isso é um absurdo.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s


%d blogueiros gostam disto: