Archive for fevereiro \27\UTC 2009

Muitos passeios no carnaval…

fevereiro 27, 2009

O carnaval foi excelente, mais do que eu esperava. Aproveitamos todos os dias ao máximo. Ainda no sábado, fomos ao clube levar o Pedro pra piscina – queríamos compensá-lo pela aula de natação que não teve no sábado. Aproveitamos para convidar o meu pai para nos fazer companhia no passeio. Pedrinho se esbaldou e matou a saudade do vovô Paulo. Saímos dali para um restaurante e seguimos pra casa. À noite, aproveitei para visitar amigos (padrinhos de casamento) que não via a muito tempo. Foi um presente de Deus poder revê-los e rir um bocado do passado que nos unia.

(more…)

Feriadão em família

fevereiro 19, 2009

O carnaval vem aí. E como nunca gostei das festividades relacionadas a este feriadão, aproveitarei para descasar e curtir a família. Eu e o Alê já pensamos em muitas coisas para fazer com o filhote. Parque de diversão, clube, visita às famílias… Acho que será bem produtivo. Pedrinho anda bem carente essa semana. Chora ao ficar na casa dos avôs e acaba nos rejeitando quando vamos buscá-lo. Acho que ele ainda não se adaptou ao horário normal. Antes, o buscávamos quando ainda estava claro. Assim, ele entende o escurecer como atraso do papai e da mamãe. O resultado é a “bravesa” do rapaz no retorno a casa. Ah… esqueci de postar no Blog. Na semana passada, tivemos consulta com o pediatra e o Pedro está super bem de saúde. Agora está com 93 cm e pesa 13,2 kg – um rapagão. Depois das consultas com o homeopata e de retirar o leite da alimentação do Pedro, ele nunca mais adoeceu. Vamos completar três meses de calmaria. Isso é uma excelente notícia.

Homenagem ao “Pimus”…

fevereiro 18, 2009

biel-2Não podia deixar de postar esta foto linda que minha irmã me mandou. É o meu sobrinho Biel de uniforme! Sim, ele já está no coleginho e tem um ano e três meses… Minha irmã é professora e tem os dois filhos debaixo dos olhos (que beleza)! Lindoooooooo Biel! Parabéns! A titia te ama muito…

Obs.: Pimus é como falamos quando queremos dizer Primo… coisas de irmã!

Choro no portão…

fevereiro 17, 2009

Deixei o Pedrinho chorando hoje na casa dos meus sogros. “A mamãe, a mamãe”, dizia ele. Mal ele sabe o que isso faz no coração mole desta mãe, que se sente a pior das mães numa situação dessas. Eu é que tive sorte e pude ser cuidada 24h pela mamãe, na convivência das minhas irmãs. Aliás, já disse outrora que esse era o ritmo correto das coisas e que tem mudado, uma vez que acompanha a modernidade… Mas mudando (também) de assunto, ontem eu comprei dois bichinhos de pelúcia para o Pedro, após recolher os selos da promoção do jornal Correio Braziliense. Os bichinhos fazem parte de uma promoção para preservação dos animais e, cada bicho, acompanha um livro sobre os perigos de extinção da espécie. Quando dei para o Pedro, ele fez uma festa. Mas, por incrível que pareça, ele preferiu os livros. Agarrou os livros e disse: Lê, mamãe! Inacreditável, né?! Ontem também morremos de rir com mais uma novidade do Pedro. Em certo momento, o Alê deu um espirro e o Pedro disse: “Saúde!”. O fato é que ninguém nunca ensinou isso pra ele e isso nos fez rir bastante. E assim segue meu filhote, crescendo e ficando mais inteligente a cada dia.

Saudade do filhote…

fevereiro 12, 2009

Faz apenas duas semanas que eu retornei ao trabalho e a vontade de passar mais tempo com o pimpolho já é enorme. Saudade seria a palavra certa. Sim, saudade. Como saio às 19h do serviço, acabo passando míseras duas horas por dia com ele antes que o sono o vença. E, neste início de ano, surge outra dúvida: fazer ou não uma pós-graduação. Assim, ficarei menos tempo com o Pedrinho. Mas também não posso deixar minha profissão estagnada por muito tempo. Aliás, quando vir outro bebê, a situação ficará mais apertada ainda. Então, o que fazer? Às vezes, quando vou deixá-lo na casa da avó de manhã, ele gruda na cadeirinha do carro e se recusa a sair pra não ficar longe de nós. Quando voltamos para buscá-lo, lá está ele no portão a nos esperar. Confesso que meu sonho é um emprego de 6h. Passar um período por conta do Pedro e outro trabalho. Mas essa não é uma realidade do mercado de trabalho. São pouquíssimos os empregos de meio período. Afff… mãe merecia ter um dia de 40h, né?! Contudo, a vida segue e, um dia, o filhote entenderá a necessidade da distância, mesmo que meu coração sempre sofra com ela.

Natação para bebês: uma excelente opção

fevereiro 9, 2009

Eis-me aqui pra contar como foi a primeira aulinha de natação do Pedro. Como era de se esperar, ele amou. Já aprendeu a mergulhar sem beber água, já nadou debaixo d’água por alguns metros, cantou musiquinha, chutou bola na piscina, etc. O papai coruja até comprou uma touca do tubarão da speedo com barbatana e tudo. Tiramos fotos, filmamos, registramos cada novidade. Ah… o professor de natação é um amigo meu e do Alê, nós nunca imaginaríamos. Isso é bom porque a confiança aumenta. Precisamos que o Pedro aprenda a ter alguns reflexos na piscina. Como ele adora água, ele não tem medo. Portanto, o perigo aumenta significativamente.

(more…)

Novidade do mês: aula de natação pra toda família

fevereiro 4, 2009

6992natacaoApós enjoarmos (literalmente) de academia, eu e o Alê optamos pela aula de natação. Conseguimos uma turma na hora do almoço que se comporta muito bem com as duas horas disponíveis que temos no intervalo do dia. Hoje foi a primeira aula. Me surpreendi. Academia pra mim sempre foi sinônimo de sacrifício, superação e extrema necessidade. Mas a natação foi prazerosa, o que ajuda e muito permanecer na atividade física. Além disso, quando fazíamos academia, tínhamos que ir em horários alternados em função do Pedro. Agora não. Podemos desfrutar da companhia um do outro, o que é muito bom tendo em vista a correria e os afazeres do dia-a-dia. Sábado, como disse, é vez do Pedrinho estrear na aulinha. Decidimos matriculá-lo também por que o pediatra recomendou como auxílio para conter as crises respiratórias. Acho que ele não fica muito tempo na turma dos bebês, já que é quase um rapaz. A próxima turminha ele ficará sozinho na piscina, sem a ajuda da mamãe. Lindo! Depois volto pra contar como foi a aula do pimpolho.

Festinha de aniversário: fazer ou não?

fevereiro 3, 2009

baloesIniciou fevereiro, começou o meu dilema: fazer ou não uma festinha de aniversário para o Pedro? Em março ele completa dois aninhos. No ano passado, pesquisamos preços, fizemos lista, procuramos salões e, no fim, desistimos por algo maior. O fato é que uma festa de aniversário (mediana) não sai por menos de R$ 2,5 mil e esse dinheiro pode servir pra tantas coisas. Como em 2008 o Pedrinho fez apenas um aninho, nos apoiamos na idéia de que ele mesmo não ia aproveitar nada, já que era muito novinho. Então, corremos pra uma agência de viagens e marcamos nossa ida a Porto de Galinhas – viagem maravilhosa por sinal. Hoje o quadro mudou de figura. O Pedro já não é mais um bebê e entende tudo. Também é um momento de celebrar a vida do filhote com amigos e familiares. Afffff… realmente não sabemos o que fazer. Essas festas dão um trabalho enorme e duram tão pouco. Fiz a lista de convidados e ela chega a 100 pessoas. Onde colocar esse povo todo?! Salões de prédios não comportam tanta gente. Assim, começa outro problema: o lugar. Mas espero tomar essa decisão o quanto antes. Mamães, me ajudem!

Novidades do pimpolho

fevereiro 2, 2009

As férias acabaram, eis que volto à rotina. O ano começa hoje pra mim. Como previsto, passamos uma semana em um hotel fazenda aqui perto de Brasília. Foi maravilhoso. O Pedrinho se divertiu muito, quase virou um peixinho de tanto que ficou na piscina. Ele também viu os animais e aprendeu um pouco com eles. Foi preciso ver uma única vez o bode para descobrir que o animal tem barba… rsrsrs. Aproveitei ainda para visitar os meus pais e passear com minha irmã Renata que também tem um rapazinho de um ano e três meses. Foi muito proveitoso, pude matar a saudade dos meus. As novidades quanto ao pimpolho são muitas. Ele agora já conhece os parentes e amigos pelo nome. Com isso, ele não os chama mais de vovô, vovó, titio ou titia, por exemplo. Chama-os pelo nome. É, no mínimo, cômico. No período das férias aproveitei para ensinar-lhe algumas coisas. Além de aumentar o leque de cores que já conhecia, ele agora já distingue outras como o preto, o rosa e o verde. Comprei um livro de cores para auxiliar no aprendizado. Também lhe ensinei as vogais e os números de um a dez. Ele conta sozinho, com exceção do sete que ele esquece por causa do seis e já reconhece as vogais quando olha o teclado de um computador, por exemplo. A quantidade de palavrinhas que o Pedro fala também aumentou muito. Existem algumas palavras que ele embola as sílabas, mas outras bem difíceis que ele fala com perfeição. Há algum tempo, o Alê comprou um livro que se chama Como multiplicar a inteligência do seu bebê. Pretendo lê-lo e usar a metodologia do livro para ensinar o filhote. Ele é muito inteligente e aprende com facilidade. Ah… outra novidade: matriculamos o Pedrinho na natação. Sábado próximo ele terá a primeira aulinha. Quanto a mim, começo o “ano” com a cabeça descansada. Aproveitei os dias fora do trabalho para ler alguns livros. Comecei pelo O jogo do anjo, passei para o Crepúsculo, a Lua Nova e o Eclipse. Gostei e recomendo. Os últimos três são romances juvenis, mas com estórias lindas. Só pra acabar com a tagarelice, tenho que contar uma novidade. O amigo Elton volta na próxima segunda como frila e vai nos ajudar como jornalista. Uma ótima notícia para retornar ao trabalho.