Archive for junho \03\UTC 2011

O retorno

junho 3, 2011

Ansiosa estava eu no saguão do Aeroporto Internacional de Brasília naquele domingo de manhã. Meus olhos míopes procuravam um serzinho de 1,10m no alcance da visão. De repente, o vejo correndo com sua camisa do Vasco – o time do coração imputado pelo pai desde bebê – em minha direção. Aquele foi o abraço mais apertado e mais demorado que já recebi. Seus bracinhos grudaram em meu pescoço e suas perninhas enlaçaram minha cintura. Seu corpo dizia, sem necessitar de palavras, algo do tipo: “Mamãe, não vá embora. Preciso de você!”. Tive que me livrar das malas e nem a bolsa eu pude abrir com ele no colo. Aquelas perninhas enlaçadas na minha cintura não queriam descer ao chão. O meu rapaz, que já tem quatro anos, voltara a ser um bebê e pedia colo.

No caminho até o estacionamento, perguntei: “Posso te beijar muito?”. Sua cabecinha apenas afirmou que sim. Ao chegar ao carro, ele se pôs a pedir: “Mamãe, não vá no banco da frente. Sente-se comigo”. Meu marido, então, ficou de motorista. Já no lado de trás do carro, Pedrinho segurou forte o meu braço e por longos minutos me acariciou. Baixinho, ele dizia o que sentia: “Mamãe, fiquei com muita saudade sua. Eu te amo”. O pequeno falou repetidas vezes essas frases até chegar a casa…

(more…)

Anúncios